Uma década da usina de Belo Monte

Habitação, Lazer e (re)existências

R$42,58

Autores: José Queiroz de Miranda Neto, Francivaldo José da Conceição Mendes

Prazo de produção: até 7 dias úteis

Sinopse

Desde quando chegaram as primeiras frentes de trabalho na região Amazônica direcionadas à Usina Hidrelétrica de Belo Monte já se passaram mais de dez anos, compreendendo um período significativo de transformações socioespaciais na área entre o rio Xingu e a Rodovia Transamazônica. Nesta obra, atentamo-nos às dimensões da habitação e do lazer, sobretudo pelo fato de a construção da usina alterar o local de residência de mais de vinte mil pessoas na cidade de Altamira-PA, constituindo o maior evento de reassentamento urbano promovido por hidrelétricas no Brasil. Em relação ao lazer, trata-se de uma prática que tanto demonstra a capacidade do grande projeto em
quebrar relações socioespaciais tradicionais (muitas das quais associadas ao Rio Xingu e seus afluentes) quanto se revela como elemento de coesão, capaz de (re)unir grupos que foram alienados de sua antiga sociabilidade. A obra que aqui se apresenta é fruto de uma década de reflexões, de teses de doutorado, de trabalhos publicados em artigos científicos e anais de eventos. Para além disso, é uma obra sobre a Amazônia produzida por amazônidas, o que torna este livro uma oportunidade de falar com propriedade de onde se vive e de compartilhar, em certa medida, os medos e anseios dos que passaram pela experiencia da instalação de grandes barragens.

Informações adicionais

Peso 0,33312 kg
Dimensões 20 × 24 × 0,88 cm
Nº Páginas

156

Capa

Fosco, COM orelha

Data da Publicação

13/12/2022

Impressão

Preto e Branco (Papel Avena / Pólen)

Tamanho

Editora

Autor(a)

,

Faixa Etária Recomendada

SEM CLASSIFICAÇÃO

Ranking

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Uma década da usina de Belo Monte thumbnail

Uma década da usina de Belo Monte

R$42,58