Ato e Potência

Bolsonaro- Um Homem Contra um Sistema

R$67,69

Autor(a): Sérgio Júnior
Saiba mais sobre o(a) autor(a): uiclap.bio/sergiojunior

Prazo de produção: até 7 dias úteis

Sinopse

O ambiente fértil para a propagação de uma cultura submissa e desprovida de senso de posição e altivez, é uma sociedade desinformada.
Para tanto, sempre se estabelece um plano duradouro de poder, que vigia de perto o contraditório e se corrompe os meios por onde possa adentrar pontos de discussão não convenientes com o “projeto”.
Entretanto, nenhum plano é perfeito e algo sempre escapa.
É o que aconteceu e ainda está acontecendo no Brasil, com grandes tentáculos e extensões no mundo.
Escapou e continua escapando, informações que fomentaram e, como alavanca propulsora social, deram ao Brasil a oportunidade de finalmente, mostrar ao mundo o que eu chamo de “fim da puberdade”. ”

Sair de “ato” para ser “potência”, na teoria filosófica de Aristóteles, consiste em uma evolução proativa e transformação da “forma”.
Na minha aplicação nesse compêndio, com um movimento de independência e maturidade como povo, como potência não apenas nacionalmente, mas além das fronteiras.
A ascensão de Jair Messias Bolsonaro, chamado de “fenômeno” político no Brasil, tem explicação e vai muito além de um movimento social pela empatia e admiração à pessoa dele. É na verdade, uma necessidade, um despertar de uma sociedade pelo senso de realidade, pela informação confrontadora e a revelação da traição outrora sofrida.
A bravura e a determinação de um líder é tudo que um povo precisa para se erguer e se motivar, é aquela máxima popular de unir o útil ao agradável.
Embora qualquer sociólogo incipiente diga que este é um movimento de transição que já existiu em outras épocas, a atual congregação de patriotas se dá muito pelo esclarecimento e conscientização política e não mais pelo espírito passional e pueril que ocorreu nos anos anteriores.

Assim, fica claro que o brasileiro se politiza diuturnamente e, aprende a defender – argumentar de maneira sólida os de seu posicionamento e – já faz um exercício de prospecção sobre si mesmo como agente detentor do poder (crescimento) de sair de ato para potência.
Aprender exige atenção, sacrifícios e reflexões. Sim, admito que pode também fabricar novas paixões, mas as paixões de um consciente são infinitamente maiores em produtividade social que a de um manipulado ignorante.
O homem Jair, é sem dúvida um nome que conecta o simples ao desejo não utópico, que utiliza a verve de ordem (desnudada) que esteve ultrajada e sufocada nos últimos anos.
Essa falta de sintaxe e de filtro, embora possa ser vista como um defeito de comunicação para uma elite intelectual, é a sintonia perfeita para comunicar com todos os extratos da sociedade, sobretudo os mais baixos, inúmeras vezes alijados de participação no chamado projeto de mudança.
Desse modo, o método politicamente incorreto nada é, a essência é o que prepondera, e o discurso que eleva o orador mas eleva muito mais o ouvinte. Por isso, Bolsonaro vai passar e será sempre lembrado, mas o movimento que ele conseguiu desencadear já é maior que o dele. E isso é muito bom.
Ele, Bolsonaro, é Ato, o Brasil é, e continuará Potência.

Informações adicionais

Peso 0,8782515 kg
Dimensões 14,7 × 21 × 3,8 cm
Nº Páginas

740

Capa

Fosco, SEM orelha

Data da Publicação

11/06/2022

Impressão

Preto e Branco (Papel Offset)

Tamanho

Editora

Autor(a)

Faixa Etária Recomendada

SEM CLASSIFICAÇÃO

Ranking

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Faça o login para Avaliar
Ato e Potência thumbnail

Ato e Potência

R$67,69