CRÍTON DE ATENAS

Os Deuses da Justiça

R$30,75

Autor(a): Jorge Gomes da Mota
Saiba mais sobre o(a) autor(a): uiclap.bio/professorjorge007

Prazo de produção: até 7 dias úteis
REF: ut25533 Categoria Tag:

Sinopse

O uso da ordália (Judicium Dei) ou juízo de Deus pode ter iniciado numa época compreendida como “Alta Idade Média”. Os julgamentos eram realizados de forma oral e de costumes (direito consuetudinário), mediante invocação das entidades espirituais, ou seja, os deuses decidiam pela culpa ou inocência do acusado. Na era moderna, determinados acusadores e julgadores estão fazendo “Justiça a Qualquer Preço”, mediante inspiração nos julgamentos dos deuses. Em Formosa – GO houve casos semelhantes onde o acusador contemporâneo, Douglas Chegury, fez uso de tramoias jurídicas com inspiração nas divindades e heróis mitológicos, para praticar malfeitos em nome do combate a corrupção. O acusador formosense faz uso constante do “juízo divino”, buscando ganhar aplausos e reconhecimento pessoal, utilizando a estrutura do Estado para prejudicar terceiro, beneficiar a si mesmo e a terceiro, acreditando que os deuses o favorecem e, portanto, está acima das leis.

Informações adicionais

Peso 0,23279025 kg
Dimensões 13,9 × 21 × 1,07 cm
Nº Páginas

194

Capa

Fosco, SEM orelha

Data da Publicação

02/12/2022

Impressão

Preto e Branco (Papel Offset)

Tamanho

Editora

Autor(a)

Faixa Etária Recomendada

SEM CLASSIFICAÇÃO

Ranking

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Faça o login para Avaliar
CRÍTON DE ATENAS thumbnail

CRÍTON DE ATENAS

R$30,75