Hortas Plantas Frutos Medicinais e Xamanismo na estratégia de Gestão

R$72,88

Autor(a): LOURENÇO SANTANA DA SILVA

Prazo de produção: até 5 dias úteis
REF: ut11656 Categoria

Sinopse

A cultura milenar da medicina indígenas através das plantas medicinais em nosso país, vem desde a colonização europeia.
Hoje, se levantarmos as publicações de livros, filmes, vídeos, documentários, sobre a medicina tradicional da cultura indígena, teremos condições de enfrentar várias doenças que estão presentes em nosso país.
A cultura milenar da medicina indígenas através das plantas medicinais em nosso país, vem desde a colonização europeia.
Hoje, se levantarmos as publicações de livros, filmes, vídeos, documentários, sobre a medicina tradicional da cultura indígena, teremos condições de enfrentar várias doenças que estão presentes em nosso país.
O início deste projeto se dará com uma planta simples de ser manuseada e de fácil acessibilidade que pode ser plantada em qualquer tipo de terreno, pois o mesmo é resistente a todo tipo de clima e terreno.
Será concedido a população indígena de cada aldeia cópia do projeto na integra em conjunto com sementes para início do projeto.
Para acompanhamento do projeto será necessário criar mecanismo de observação e interação entre os profissionais de saúde do AIS e AISAM e a comunidade indígena que receberá a semente para que seja plantada dentro da aldeia. Este projeto é o inicio de uma nova estratégia de gestão a TRANSDISCIPLINARIDADE. Pois, ela ultrapassa a visão do enfoque multidisciplinar onde cada um olha para dentro de sua casinha. Temos que abrir essa grade que nos separa do pé de JUCA (da gestão).
A semente do JUCA somente será um eixo de transformação dessa estratégia de gestão (transdisciplinar) onde todos os profissionais terão que participar em conjunto com a comunidade. Cada um dentro desse território, iniciará um processo de aprendizado na prática onde todos de alguma de forma sempre estará conectado dentro desse universo.
O fato de compartilhar a informação sobre o JUCA, ter informações sobre dados dos agravos que o mesmo pode prevenir, adquirir conhecimento sobre a planta, sua folha, sua casca, sua vagem, sua semente, será um novo paradigma para criar um ambiente de gestão colaborativa, participativa, onde todos podem ser transformados dentro de seu próprio universo criando na prática uma outra visão de mundo.
O JUCA será apenas a primeira planta a próxima será a MORINGA.
Assim como o universo da gestão, a semente do JUCA se não for devidamente escolhida a área de seu plantio, de conformidade e com perspectiva de nascer e crescer, ser sempre regrada, devidamente cuidada com carinho, não teremos como colher seus frutos para as nossas necessidades e usufruir de sua sombra, do canto das aves, do mel que pode vir de suas flores. A gestão do JUCA deve demostrar que sabemos fazer, inteirar, entender, compartilhar com os nossos semelhantes e buscar através da simplicidade, que nós temos condições de iniciar um novo ciclo de vida dentro de nosso próprio ambiente.
Como também as hortaliças que podem contribuir diretamente na prevenção de agravos que podem ser evitáveis nas aldeias indígenas. E o Xamanismo que já é conhecido da área indígena.

Informações adicionais

Peso 0.361746 kg
Dimensões 21 × 29.7 × 0.78 cm
Editora

Nº Páginas

136

Tamanho

Capa

Fosco, SEM orelha

Impressão

Preto e Branco (Papel Offset)

Data da Publicação

09/10/2021

Autor(a)

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Faça o login para Avaliar
Hortas Plantas  Frutos Medicinais e Xamanismo na estratégia de Gestão thumbnail

Hortas Plantas Frutos Medicinais e Xamanismo na estratégia de Gestão

R$72,88